Dicas de Decoração

7 alternativas incríveis para dividir os ambientes de uma casa

Escrito por quintadellarte

Imóveis com ambientes integrados têm sido uma tendência nas construções atuais devido à redução nas metragens. No entanto, nem todos gostam dessa mistura de cômodos, principalmente porque, se o morador não tiver bons hábitos de organização, a sensação de bagunça e desordem se torna maior. É por isso que muitas pessoas têm buscado por opções cada vez mais criativas e diferentes de dividir ambientes. 

Existem diversas formas para separar os cômodos da sua casa que fogem da tradicional e velha parede de concreto. Ficou curioso para saber quais são elas? Então continue a leitura e descubra ainda todos os benefícios que repartir os espaços da sua casa pode trazer para o seu dia a dia! Vamos lá?

Vantagens de se dividir ambientes em casa

Certamente, uma das maiores vantagens em ter os ambientes da sua casa divididos é a maior sensação de privacidade. Todas as pessoas em algum momento sentem a necessidade de ficarem sozinhas, seja para sentar no sofá e ver um filme, seja para simplesmente apreciar sua própria companhia. 

No entanto, a menos que a pessoa more sozinha, os imóveis com ambientes integrados tornam difíceis esses instantes de solitude, podendo até ocasionar conflitos entre os moradores da casa. Além disso, espaços reduzidos e repartidos também trazem sensações de conforto e acolhimento, principalmente se forem reforçados com uma iluminação mais intimista.

A separação dos cômodos também traz mais funcionalidade, já que um espaço que antes era um só pode desempenhar duas funções, como um quarto amplo que, com a divisão certa, também vira um home office.

Maneiras criativas para separar os espaços da casa

Agora que você já sabe todas as vantagens de ter cômodos repartidos, veja a seguir 7 dicas com diferentes formes de usar divisórias para dar mais estilo ao seu lar e dividir ambientes.

1. Cogobós 

Apesar de o nome não ser tão comum, cogobós nada mais são do que divisões vazadas que são feitas de diversos materiais — embora tenham sido originalmente feitos em cimento.

Eles viraram os “queridinhos” nos arquitetos e designers de interiores porque permitem que a luz e ventilação “vazem” por entre os ambientes, o que diminui bastante o custo com iluminação artificial e é uma ótima solução para aqueles espaços que não possuem janelas.

Os cogobós conseguem ser utilizados em diversos ambientes e materiais, como:

  • na cozinha, em cerâmica esmaltada;
  • na sala de estar, em madeira (com algumas plantas suspensas, por exemplo);
  • na lavanderia, em concreto;
  • no banheiro, em cerâmica (para isolar o espaço do vaso sanitário);
  • nos quartos, em MDF (para separar o closet); entre outras opções.

2. Plantas

Dividir os espaços com jardins internos em vez de paredes é uma ótima ideia para ampliar o espaço, aumentar a entrada de ventilação e iluminação natural para dentro dos cômodos e ainda conseguir delimitar e integrar o espaço ao mesmo tempo.

Além disso, o verde dá um toque de paz e tranquilidade para qualquer ambiente e permite que a sensação térmica do local fique mais aprazível, já que as plantas melhoram a umidade do ar e auxiliam na formação de corredores de ar fresco. 

O ideal é utilizar plantas de altura média em vasos de cerâmica para que o jardim consiga desempenhar as funções de integração e delimitação.  

3. Aquários

Engana-se quem pensa que o aquário é somente um tanque cheio de peixes. Além de conseguir ser o destaque de qualquer decoração, ele também é um ótimo (e lindo) apetrecho para repartir os ambientes, ainda mais se for utilizada a iluminação correta. 

É possível, por exemplo, separar com estilo e requinte a cozinha da sala de estar, acoplando o aquário em uma divisória com madeira. Também é permitido usá-lo como a base para uma ilha na cozinha, mas é preciso se certificar de que o vidro seja bastante resistente e seguro.

Uma alternativa é utilizar o aquário no banheiro, para separar a bandeira e o chuveiro, por exemplo, da área do lavabo.

4. Paredes de vidro

Separar os ambientes com portas ou paredes de vidros é uma opção bastante versátil e funcional, uma vez que, além de trazerem mais requinte para o cômodo, também conseguem bloquear barulhos e cheiros.

As divisórias de vidro também amplificam e iluminam qualquer espaço, possibilitando a entrada de luz natural e dando uma continuidade visual em áreas repartidas dentro de um mesmo cômodo.

5. Cortinas

Além de serem grandes aliadas à divisão de ambientes, as cortinas também desempenham um grande papel nas sensações de bem-estar e acolhimento, uma vez que preservam a nossa intimidade, controlam a luz e propiciam maior conforto térmico.

Elas geralmente são feitas dos mais diversos materiais e estampas. As de bambu, por exemplo, são muito utilizadas para repartir e delimitar espaços internos, principalmente aquelas em formato de esteira.

6. Estantes com livros

Para os amantes da literatura, apostar em uma estante com livros para dividir o ambiente é unir o útil ao agradável. Mas, mesmo para aqueles que ainda não conseguiram desenvolver o hábito da leitura, os livros nas estantes servem também como ótimos e requintados objetos de decoração — além de isso acabar estimulando, invariavelmente, os moradores a lerem.

Uma ótima dica é optar por uma estante com livros em madeira ou MDF, com linhas retas para separar o canto da TV da sala de estar.

7. Divisórias vazadas em metal

As divisórias metálicas ainda não são tão populares, mas vêm ganhando cada vez mais espaço na decoração de ambientes. Elas podem ser personalizadas para se adequarem a qualquer espaço, trazendo beleza, sofisticação e modernidade.

Geralmente, são feitas em chapa e cortadas a laser, o que possibilita inúmeras possibilidades de design e combinações com formas geométricas.

Como visto, existem inúmeras maneiras de dividir ambientes e de enfeitar essas divisórias para deixá-las com a sua cara e combinando com o seu estilo. Esculturas, pedestais, colunas e outros objetos de decoração, por exemplo, são ótimos para comporem as repartições dos espaços!

E então, gostou do artigo? Achou as dicas úteis? Se quiser saber mais informações ou tirar alguma dúvida, entre agora mesmo em contato conosco, que teremos o maior prazer em atendê-lo!

Sobre o autor

quintadellarte

Deixar comentário.

Share This